quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Coxas de Frango




Com uma faca corta-se a carne em redor do osso na parte mais grossa da perna. Depois, com a faca na posição que mostro na imagem e raspando ao longo do osso descola-se este da carne. Não esquecer de cortar o osso no extremo oposto para que seja possível a sua saída.


Já sem o osso, introduzindo o dedo no lugar deixado vazio por este, a perna retoma a sua forma original.

Metem-se os ossos numa panela com água suficiente apenas para os cobrir e levam-se a ferver até que o caldo reduza para metade, ou menos, do volume inicial. Quanto menos volume de liquido tiver, mais concentrado é o caldo. Pode, se quiser, aromatizá-lo fervendo juntamente com os ossos: cenoura, aipo, salsa, cebola etc. Aqui neste prato não achei necessário fazê-lo.

Mistura-se queijo com orégãos. O queijo com que tenho obtido melhores resultados é o "Feta". Queijo de origem grega, de sabor forte e um pouco salgado. Desfaz-se com um garfo e, com esta massa, preenche-se o lugar deixado vazio pelo osso. Pode, com um palito, fechar um pouco a abertura mais larga para que não saia muito queijo nos passos seguintes.


Tempera-se com sal (pouco, se o queijo for salgado) e pimenta
 
Numa frigideira com um pouco de azeite coram-se as pernas, com cuidado para que o queijo não escorra para fora da carne. Retiram-se para um tabuleiro e levam-se ao forno até que estejam assadas. Não demasiado tempo porque ficarão secas e desenxabidas. A 200 graus, 20 ou 25 minutos são suficientes.


Leva-se novamente a frigideira ao lume e, depois de quente, deita-se lentamente o caldo dos ossos ao mesmo tempo que se vai raspando o fundo com uma colher, para que se soltem (chama-se deglaçar) os resíduos da carne que ficaram pegados à frigideira. Agita-se a frigideira em movimentos circulares e junta-se um pouco de manteiga ou margarina até que esta derreta ( a margarina, não a frigideira) e deixe o molho mais encorpado. Côa-se por um passador de rede e serve-se com as coxinhas da ave.


Acompanho com batatas gratinadas. Mas pode ser com qualquer outra guarnição. Batatas, arroz, legumes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blog Widget by LinkWithin